como melhorar meu ranquamento no google

Ranqueamento – Como melhorar a posição do meu blog

Ranqueamento – Como melhorar a posição do meu blog nas buscas do Google em pouco tempo

Para conseguir um bom ranqueamento do seu site no Google você precisa seguir alguns passos que vamos ver a seguir!

ranqueamento
ranqueamento

Quem trabalha com internet sabe e quem tem um blog mais ainda. Para que uma página tenha um grande alcance e consiga obter sucesso, é preciso que ela tenha um bom posicionamento nas páginas de pesquisa sobre o assunto de que trata no Google. Afinal de contas, é por meio do mecanismo de busca que praticamente todo mundo procura o que deseja ver na internet.

Ou seja, caso o seu blog não aparece pelo menos nas duas primeiras páginas de buscas do Google sobre o assunto que você trata, as chances de sucesso que você tem caem consideravelmente. Isso porque estudos mostram que o número de pessoas que passam da segunda página em uma pesquisa no Google é consideravelmente baixo.

Com isso é possível saber que é muito necessário saber manejar o blog para que ele apareça com um bom posicionamento no Google. E isso é uma tarefa mais simples do que muita gente imagina, apenas demanda dedicação e pesquisa.

Os segredos do SEO

como melhorar meu ranquamento no google
como melhorar meu ranquamento no google

O bom posicionamento de uma página em mecanismos de busca depende em grande parte do bom uso de técnicas de SEO. Para isso você pode tanto contratar um profissional especializado no assunto, quanto realizar uma pesquisa intensa sobre as técnicas em questão e aplicá-las por conta própria.

Também conhecido como Search Engine Optmization ou Otimização para Buscas, o SEO nada mais é do que um conjunto de técnicas que tem como objetivo principal melhorar o ranqueamento de uma determinada página ou de um determinado blog nos mecanismos de buscas principais, como Google, Bing e Yahoo.

Entre as técnicas estão a utilização de palavras-chave, o cuidado com a programação da sua página e até mesmo a mensagem que vai ser exibida quando a sua página aparecer no resultado do Google.

Quando aplicadas com precisão, as técnicas em questão são capazes de melhorar em um curto período de tempo o posicionamento de seu blog nas páginas de pesquisa do Google. Outra dica é prestar muita atenção na curadoria que você tem em seu blog e na sua produção de conteúdo.

Isso porque conteúdo original e de qualidade vai atrair mais visitas e até mesmo ser o responsável por fidelizar leitores. E quanto mais leitores você tiver, mais presente nos primeiros resultados do Google você vai estar. De nada adianta extrair o melhor das técnicas de SEO se você não se preocupa em apresentar um conteúdo de qualidade em um layout bacana, afinal de contas a imagem também chama muito a atenção de quem navega na internet.

Estar bem posicionado nos mecanismos de busca é uma questão de empenho e também de tempo. Se você se esforçar e estudar para aplicar as técnicas de SEO em sua página da melhor maneira, pode ter certeza que os resultados vão aparecer em um curto período de tempo.

Caso você não tenha segurança para fazer isso sozinho, contrate um profissional no assunto. Você não vai se arrepender.

ranqueamento google
ranqueamento google

Talvez você goste deste artigo também!

8 coisas que você não pode colocar em seu blog de forma alguma!

como otimizar seu blog seo

Dicas de como otimizar seu blog WordPress

Dicas de como otimizar seu blog WordPress trabalhando tema e plugins da melhor maneira possível!

Antes de conseguir muito tráfego gratuito você precisa primeiro saber como otimizar seu blog WordPress, então veja agora neste artigo como fazer rapidamente.

como otimizar seu blog
como otimizar seu blog

Para quem trabalha com sites e blogs no mercado digital de hoje em dia conseguir posicionar os conteúdos da melhor maneira possível no ranking dos sistemas de buscas é algo extremamente essencial.

Portanto, ter conhecimentos sobre otimização de sites e blogs é mais do que fundamental para quem realmente almeja tornar seu negócio digital muito rentável e deixar sua marca relevante.

Com base nisto, nós vamos mostrar em detalhes algumas dicas matadoras que ensinam como otimizar tema e plugins no seu blog WordPress da melhor maneira possível, gerando sempre os melhores resultados e conseguindo se posicionar muito bem no ranking dos sistemas de buscas.

Vamos ver mais!

Você deve conhecer o plugin de cache

Uma das ferramentas essenciais para quem deseja otimizar temas e plugins em seu blog WordPress da melhor maneira possível é o plugin de cache W3 Total Cache, que realmente faz “milagres” na hora de otimizar uma página.

Sua capacidade de melhorar os resultados é realmente impressionante, já que com ele é possível que um blog seja otimizado apenas com alguns poucos cliques (isso mesmo!).

Com a função minify do plugin de cache você poderá otimizar o código CSS, HTML e Java script, para que com isto, sejam retirados os espaços, as quebras de linha e também os comentários, resultando em economia de bytes no processo.

Use o CloudFlare

Outra ferramenta importante para quem deseja otimizar temas e plugins de um blog no WordPress será o CloudFlare, que é uma ferramenta que faz cache das informações contidas num site ou blog.

Com ele, no momento em que o sistema faz cache da sua página, assim que outro usuário receber as informações, elas não virão do seu próprio servidor, mas sim do próprio CloudFlare.

Com isto, suas informações de sites acabam sendo entregues muito mais rapidamente, fazendo com que você economize e alivie o seu servidor de hospedagem, deixando tudo muito mais ágil e prático.

Procure otimizar imagens

como otimizar seu blog seo
como otimizar seu blog seo

É um fato que conteúdos que são publicados com imagens são mais bem posicionados nos mecanismos de buscas e atraem mais usuários, porém, se você não souber como otimizar suas imagens, elas podem ser um peso terrível para seu blog.

É possível, sabendo como proceder, deixar imagens pesadas de 600px com 1MB serem reduzidas para apenas 50kbs, por exemplo, gerando muita economia e otimizando o blog.

Há duas formas para se conseguir otimizar imagens: utilizar plugins WordPress (existem vários que prometem otimizar imagens) ou fazer a edição das imagens por meio de um editor de imagens próprio.

Os especialistas no assunto indicam as duas opções e apontam para a necessidade desta combinação, pois desta forma os resultados serão sempre os melhores possíveis.

Portanto, se você deseja otimizar temas e plugins de seu blog no WordPress e ainda não conhecia estas dicas que foram passadas neste artigo, agora você pode começar a praticar e verá como seu blog ficará mais ágil e realmente otimizado. Você só tem a ganhar com isto.

Gostou deste artigo? Talvez você goste também deste aqui:

8 Coisas que você não deve colocar no seu site de forma alguma!

8 coisas que você não deve colocar no seu site

8 coisas que você não deve colocar no seu site de forma alguma

8 coisas que você não deve colocar no seu site de forma alguma

Está criando seu site ou seu blog? Veja as 8 coisas que você não deve colocar no seu site!

8 coisas que você não deve colocar no seu site
8 coisas que você não deve colocar no seu site

Atualmente, cada vez mais pessoas estão trabalhando com internet, especialmente por conta da imensa quantidade de oportunidades que ela oferece e por ela ser bem mais barata do que qualquer outra forma para se conseguir montar um negócio próprio.

E uma das primeiras coisas que uma pessoa que monta um negócio próprio precisa ter é um site ou blog para servir de plataforma para outras ações importantes e fundamentais para o andamento dos negócios.

Portanto, com base nisto, nas próximas linhas nós vamos mostrar nada menos do que 8 coisas que você não deve colocar em seu site de forma alguma, para que você possa tê-lo sempre da melhor maneira possível. Vamos ver mais!

Nada de bonequinho batendo em prego!

Quem nunca sofreu com a seguinte situação: se interessou por algo, clicou num link e foi direcionado para uma página que ainda estava em construção, se deparando com um bonequinho batendo num prego?

Se sua página ainda não está pronta e se encontra em construção, você simplesmente não deve colocá-la no ar, pois ao fazer isto, você perderá a confiança e a credibilidade de milhares de pessoas que se sentiram enganadas ao se deparar com o tal bonequinho.

Colocar música automática

Outra coisa que pode causar sustos nos visitantes de um site é a bendita música de abertura, que toca automaticamente assim que ele abre sua página, gerando no mínimo certo desconforto.

Se sua intenção é ter uma música no seu site, procure colocar um botão de “play” para dar a possibilidade de seu visitante escolher se quer ou se não quer ouvir a música.

Colocar uma foto grande no fundo

Outro erro cometido por muitos iniciantes é colocar uma foto grande fixa no fundo do site, fazendo com que o visitante tenha de tentar ler o conteúdo com a foto de fundo atrapalhando.

Não importa o que aconteça, não coloque isso no seu site, pois o resultado será terrível e irá incomodar muito seus visitantes.

Muitas cores

Será importante também não apostar em muitas cores, especialmente nas cores extravagantes, pois causa impacto visual negativo nas pessoas. O ideal é usar cores mais limpas e menos extravagantes.

Apostar no plágio

8 coisas que você não deve colocar no seu site plagio
8 coisas que você não deve colocar no seu site plagio

Copiar conteúdo de outros sites e blogs é uma péssima ideia, pois prejudica a imagem de seu site e gera desconfiança no seu público. Esta prática de plágio de textos, além de ferir a ética, ainda pode gerar processos legais.

Usar tabelas

Apesar de serem práticas, a verdade é que elas não podem servir de base para estrutura de um site em construção. As tabelas HTML devem ser usadas apenas quando há informações tabulares a serem transmitidas.

Usar tags que foram inutilizadas do HTML

Há tags que foram abolidas e que não devem ser utilizadas num site em hipótese alguma: Marquee, FONT, BGCOLOR e < b > são os exemplos mais gritantes.

Botões que mentem

Uma coisa que irrita demais um visitante é o botão que mente. Ou seja, aqueles botões que apontam para a opção de fechar, mas que na verdade te levam para outra guia, por exemplo. Evite-os!

Gostou? Descubra como fazer um site responsivo, clique aqui e leia este artigo!

 

como fazer um site responsivo

Veja agora como fazer um site responsivo e torná-lo mobile friendly

Veja agora como fazer um site  responsivo – mobile friendly

O número de pessoas que acessam a internet pelo smartphone só aumenta descubra agora como fazer um site  responsivo.

como fazer um site responsivo
como fazer um site responsivo

Hoje em dia cada vez mais pessoas estão deixando de lado os seus computadores e tem passado a acessar tudo o que precisam de mídias virtuais – do Facebook aos tradicionais blogs – por meio de smartphones, tablets ou qualquer outro dispositivo portátil.

Com isso, aqueles que trabalham com páginas na internet têm precisado, a cada dia mais, se atualizar e desenvolver novos layouts para seus sites, blogs e páginas e a fim de que esses se adaptem aos mais diferentes formatos de tela. Afinal de contas, se uma pessoa abrir uma página que não se adapta à tela do seu celular e ela precisar ficar dando zoom in e out toda hora para conseguir ler o que deseja, ela simplesmente vai fechar a sua página e procurar outra que se adapte a sua tela.

E é exatamente por isso que tem se tornado cada vez mais importante tornar o seu site mobile friendly, ou seja, amigo dos dispositivos móveis, adaptando o layout tradicional e o substituindo por um layout responsivo. Ou seja, trocando a cara tradicional do site por uma que se adapta automaticamente a todos os tipos de tela, sejam elas de notebooks, PCs, smartphones ou tablets.

Dê ao seu site um layout responsivo agora

como fazer um site responsivo para celular
como fazer um site responsivo para celular

Hoje existem diversas maneiras que tornam possível tornar o seu site mobile friendly. Muitas vezes, para que o seu site consiga se adaptar às diferentes telas dos smartphones, é preciso até mesmo desenvolver uma versão alternativa do seu site. Isso porque, é preciso que ele seja equipado com um sistema diferenciado, que é capaz de reconhecer o aparelho do visitante que acessar o seu site, direcionando-o ao site adaptado para o ambiente mobile.

Porém, essa não é a alternativa mais indicada de todas. A mais nova e crescente tendência tem sido a utilização de sites de layout responsivo. E isso pode ser muito mais simples do que muita gente pensa.

Isso porque, em grandes partes dos layouts existentes, para tornar o seu site responsivo basta adaptar o site que você já tem existente. Para fazer isso basta você editar o seu CSS – a folha de estilo do seu site – para torná-lo responsivo. Principalmente para donos de blogs, esse processo é consideravelmente simples.

Já sites mais complexos e com uma carga maior de informação, talvez seja preciso que você altere alguns detalhes na programação da sua página, mas também nada de outro mundo.

A internet é um meio onde a última coisa que falta são opções do mesmo conteúdo. E é exatamente por isso que, se você quiser ter sucesso e continuar competitivo dentro do mercado virtual, você precisa se adaptar às novas tendências e buscar sempre oferecer uma experiência cada vez mais aprimorada para o seu leitor, afinal de contas, é ele que oferece a fundação para o seu site.

Caso você não entenda nada de programação, a dica é contratar um profissional, que vai resolver a questão rapidamente para você.

Gostou do artigo? Então acho que você vai gostar desse também:

Descubra 8 coisas que você não pode colocar no seu site de forma alguma!

facebook ads para afiliados

Facebook ads para afiliados – Como faturei mais de R$ 30 mil nos últimos 3 meses

Facebook ads para afiliados – Modelo de anuncio que me gerou mais de R$ 30 mil nos últimos 3 meses

Como criar um anuncio perfeito utilizando o Facebook ads para afiliados? Olá, este é meu primeiro artigo para o blog ProAfiliados.com, que é o meu novo projeto no marketing digital.

 

facebook ads para afiliados
facebook ads para afiliados

Então, como é o primeiro artigo gostaria de me apresentar rapidamente.

Me chamo Italo Bruno, sou empreendedor digital, afiliado profissional e trabalho exclusivamente pela internet em meu home office desde janeiro de 2016, quando abri minha primeira empresa de marketing digital e onde, nos últimos 3 meses, faturei mais de R$ 30.000,00 (veja na imagem abaixo) e fui top afiliado 2 meses seguidos de um dos cursos mais tradicionais do Hotmart.

Bom, acho que agora podemos começar.

Nesses últimos 6 meses comecei a estudar profundamente o Facebook ads para afiliados, plataforma de anúncios patrocinados do facebook e pude comprovar o enorme potencial da mesma. Porém vejo que muitos afiliados, tanto iniciantes, como mais experientes, possuem grandes dificuldades para conseguir fazer suas vendas pelo facebook; seja por contas bloqueadas, seja por anúncios ruins ou por falta de conversão mesmo, e agora vou mostrar o passo a passo que criei nestes 6 meses para criar anúncios de alta conversão e ganhar dinheiro na internet de verdade.

Hoje posso afirmar com certeza que o segredo de se dar bem no Facebook ads está 60% ligado ao seu anuncio, enquanto a qualidade do produto e o público corresponde aos outros 40%. Então vamos ao passo a passo.

facebook_ads_para_afiliados_meus_ganhos.jpg
Ganhos como afiliado utilizando o facebook ads nos últimos 3 meses

Não acredita muito em print? Nem eu, então Veja Aqui Neste vídeo minha entrevista com Wesley Pereira onde conto mais sobre meus negócios digitais.

Cliques, engajamento ou conversão?

Conversão! Se você quer vender no facebook como afiliado, você deve fazer seus anúncios para conversão no site e este artigo do próprio Hotmart ensina como fazer isso.

 

Como deve ser minha página?

Para a promoção de produtos digitais páginas simulando um perfil pessoal tem se mostrado muito mais eficaz do que páginas com nome de empresas . A lógica é a seguinte: as pessoas estão no facebook para passar o tempo, não para comprar coisas, sendo assim estarão sempre muito mais propensas a comprar algum produto partindo da indicação de uma “pessoa real”.

 

Página de Captura ou Direto para o vídeo de Vendas?

Essa resposta depende um pouco, eu sigo o seguinte critério: Se o produto que estou promovendo for de até R$ 497,00 e eu não quero trabalhar como autoridade naquele nicho, envio direto para página de vendas. Se o produto for mais caro ou eu quiser montar uma lista para trabalhar autoridade posteriormente mando para uma página de captura e um funil de vendas.

 

Vamos ao anuncio em si, segue abaixo um modelo.

Vamos analisar o anuncio de cima para baixo começando em “Meninas, este vídeo…” e terminando em “formula comprovada cientificamente”.

facebook_ads_para_afiliados.jpg

Headline superior (descrição)

No início da Headline utilize sempre uma frase ou uma palavra que vá chamar bastante atenção do seu público. Exemplos: Isso é um absurdo; Funciona de verdade; Funciona mesmo; Estou Chocado; Meus Deus; Você precisa assistir isso…

No corpo da Headline conte um pouquinho sobre o que a pessoa irá encontrar quando abrir o vídeo de vendas e aproveite para matar algumas objeções do produto. Estas objeções você encontra de várias formas: assistindo o vídeo de vendas e os materiais disponibilizados pelo produtor, conhecendo o nicho através de grupos, fóruns e blogs, pesquisando.

Termine a Headline pedindo para a pessoa curtir, marcar algum amigo ou compartilhar, isso aumenta o engajamento do anuncio e a relevância.

Imagem

A Imagem do anúncio deve estar diretamente ligada com o produto que você está promovendo, normalmente o produtor já disponibiliza algumas imagens legais, pegue-as apenas para ter ideias das suas, mas nunca use as mesas imagens, pois outros afiliados já devem ter as usado e isso cansa a audiência e seu anúncio não receberá tantos cliques.

Headline inferior

Nesta Parte Utilize Sempre o gatilho mental da curiosidade, funciona muito bem, exemplo: Veja Como ele faturou mais de 30 mil com facebook ads.

Descrição do link

Nunca utilize o nome do seu site, deixe essa para utilizar mais alguns gatilhos mentais, como por exemplo: “2.768 pessoas já assistiram isso” ou “Pessoas comuns como eu e você já comprovaram este método” ou ainda “Método comprovado cientificamente pela universidade de Harvard”.

Conclusão

Pronto, esta é a formula que uso em todos os meus anúncios e que me geraram os resultados atuais. Mais uma dica muito importante que posso te dar é: NUNCA, em hipótese alguma, copie um anuncio de outra pessoa. Geralmente vemos alguns anúncios de outros afiliados rodando no facebook, você pode tirar dali algumas ideias, mas nunca copie e faça um anúncio igual, isso não funciona, cansa a audiência e prejudica você, o outro afiliado e o produto em geral.

 

Mais sobre Facebook ADS para Afiliados

 O Carlo Bettega é fera em Facebook ads para afiliados, e ele gravou um vídeo onde montra como faturou mais de 173 mil com face ads só nos últimos 4 meses.  Clique Aqui Para Assistir o Vídeo!